terça-feira, 3 de março de 2015

Quando Maybe parou


Fica aqui a poesia
Aqui onde o céu é azul
Onde tanto canto o blues

Escondo toda a minha dor
Na voz da música Little Girl Blue

Desculpe-me o abuso
Desculpe-me se sou um intruso
Dessa tal cantoria que não é minha

Deixo a minha palavra, o meu blues não vale nada
Agora choro sem parar com Cry Baby a tocar

A minha voz desafinada só sabe que tem brasa
Queima toda noite quando escuto Summertime
Agora só fica minha angustia enquanto estou nua
Adeus, Maybe parou de tocar.

Nenhum comentário: