sexta-feira, 9 de janeiro de 2015

Aos Pedaços



Pode ser cedo demais para dizer

Essa tempestade que chega e parece não ir embora

Eu a observo pela janela mas não a sinto

Me sinto caindo como os pingos da chuva

Caindo lentamente aos pedaços no chão.

Eu saio para caminhar

A chuva já passou e agora posso cantar

Sinto de verdade meu respirar

E as nuvens que lá no céu me contam histórias

Eu tento não chorar

Mas a tempestade sempre vai estar lá

Ela vai chegar sempre para te molhar

E te fazer cair os pedaços

Para o sol chegar e o reconstruir de novo.

Nenhum comentário: