terça-feira, 23 de abril de 2013

Chuva


Eu vejo a chuva caindo
Apenas a vejo e desejo
Queria ser a água que bebe
Passando por dentro de seu corpo
(como invejo essa água)
Como se eu pudesse adivinhar
Que seus sonhos foram os meus
Correndo, rolando com as gotas da chuva
Eu apenas penso em voltar para as nuvens
Sem ter que se lembrar de você


Mas vivo pensando em você
não dá para entender...
Nem eu entendo como posso querer
pensar e não se lembrar de você.

Nenhum comentário: