sexta-feira, 1 de junho de 2012

Dor de mentira


  Dor de mentira que quebra laços
  Esse Egoísmo que destrói abraços
  Olhares que se encontram no escuro
  E o coração permanece em cima do muro.

  Uma palavra que faz a dor desaparecer                                     
  Os sonhos que fazem você ser
  Pois querido existe muito mais além
  Sei muito bem que você quer meu bem.

  Você tranca a porta
  Mas sei que para mim não se importa
  Uma pequena fresta ou a fechadura
  Deixe com que fique mais doce minha amargura.

  Mas você não quer nada
  Você perdeu a insanidade
  Poderíamos ser tudo que o outro tem
  Poderíamos ter alguém quando formos para o inferno
  Mas você preferiu se esconder deixando uma dor permanecer.

Nenhum comentário: