terça-feira, 22 de novembro de 2011

Invisivel

Sinto seu corpo quente

mas por que não o toco?

será que só minha mente

você em minha frente

como um pesadelo bom

Sinto suas risadas

voando em meu redor

mas não riu da piada

pois a graça está em te olhar

Vejo sua imagem

refletida no espelho

dizendo segredos

dos quais não consigo escutar

Toco em seu invisivel corpo

mas quanto desgosto

você é uma imagem irreal

Eu sinto que preciso dormir

mas como descansar

se voce deita ao meu lado

me levando ao escuro da sua alma

esperos que partas sem me levar

pois se é apenas um fantasma

deixe minha casa

um dia irei te encontrar.

Nenhum comentário: