sexta-feira, 21 de outubro de 2011

Permanecer

Hoje vi um buraco em meu coração
vejo que a cada dia ele está crescendo
não sei mais o que é real ou familiar
mas me sinto muito morto por dentro
fico me causando dor
é única coisa que sinto

Menti para mim mesmo tantas vezes
vejo que o tempo está acabando
mas eu já estou morto
a dor está me sucumbindo

O meu próprio coração não sabe
qual é o sentimento esta noite
mas a chuva passa tão devagar
mal sinto as gostas me tocar

Não é culpa de ninguém
minhas pernas ficam paradas no mesmo lugar
mas agora consigo enxergar as estrelas mais de perto
aqui permanecerei.

Nenhum comentário: