quarta-feira, 12 de outubro de 2011

Feras

Se pudesse ao menos tentar não olhar para trás
mas meus olhos fazem questão
são poucas coisas na vida que nos fazem acreditar
nosso coração não consegue parar de amar
se os sonhos se acabam por causa de alguém
esperamos que uma taça de vinho acalme nosso nervos
somos todos cheios de segredos que queremos esquecer
somos feras não domadas com as jaulas abertas
tomem muito cuidado pois nossa raiva te pega
eu tapo meus ouvidos para gritar o mais alto que consigo
a dor a tristeza nos condena arrancando nossa felicidade
aguentem o máximo e contem a verdade
somos descrentes,poetas e loucos
apenas queremos brindar a desgraça do mundo
e escrever sobre a vida que não temos
historias talvez improváveis que nos faz esquecer da nossa
nossa mentira é a mais pura verdade.

Nenhum comentário: