sábado, 4 de setembro de 2010

Maldito corpo

Alguém disse peguem as moedas de ouro
Enquanto muitos roubam para comer
Você disse: Cortem as cabeças
Enquanto um povo chora e outro não para de aplaudir

Alguém disse matem os de cor e judeus
Enquanto muitos tentam fugir para não sofrer
Você disse: Bombardeiem tudo
Enquanto membros são arrancados ouve-se risos

Você viveu tudo isso
Você aplaudiu tudo isso
Você provocou tudo isso

Viu o povo se revoltar
Era mais do que os seus
Mais unidos do que os seus

Quando viu tudo que era seu caindo
Você mesmo de vergonha se matou
E seu corpo podre sumido infesta o nosso ar
E agora a você digo apenas ha ha ha!

Nenhum comentário: