quarta-feira, 10 de fevereiro de 2010

Ser feliz

Se você acha que está na pior
Experimente olhar para o lado
De um sorriso
Pois tem gente que está num verdadeiro abismo
De cobras serpentes e escorpiões
Talvez seja melhor mudar suas ações

Se te entristece uma chuva pequena
Pense que pelo menos não há inundações
Olhe para os outros pobres corações

Tem sempre gente na pior
E você fica remoendo esse veneno
É capaz de dar para seu inimigo
Que um tempo atrás era batizado de amigo

Sempre tudo muda
Piora ou melhora
É o caos e o fogo
A mentira e o dragão
São olhos e sangue de uma multidão
E quando você está por baixo
Sendo pisado igual um capacho
Depois você chora e implora por uma pausa

Mais a dor não tem regras nem compreensão
Com uma espada e cajado na mão
E a outra erguendo um coração
Se tudo pode melhorar ou piorar onde está a razão...

Aquele que um dia viveu
Do ouro do vinho
Como um deus sem coroa de espinhos
Tudo pode mudar...
É uma questão de ver
Se os olhos não enxergam melhor esquecer
Pois no prato sujo está a tristeza
No outro sua fria incerteza
O que mais você quer numa mesa que foi colocada sua ingratidão?
Quem será o fraco sem razão?
Mais a certeza está naquele que chamo de irmão
Feliz mesmo sem nada, não anda triste
A vida é um vazio para aquele que não vive
Sorrindo e fazendo dribles na dor e na compaixão
A vida pode ser dura, triste com persuasão
Mas você pode escolher ser feliz ou não.

Nenhum comentário: