sábado, 31 de outubro de 2009

Dia

O dia está ai
Mais uma jornada antes de partir
Adeus a fotografias e velhas memórias
A minha mente muda
Não se iluda quase nada nunca muda.

Roupas, anos e velhas capas se foram
O dia se hoje será o amanhã
E hoje será o ontem
Acredite na sorte
A vida pode ficar doce
Mesma estando meio azeda e lacrando a morte
O dia passa e sempre acaba.

Nenhum comentário: