quinta-feira, 24 de setembro de 2009

coragem

Meu refugio que não posso ter
meu destino que não posso ver
tudo esta claro quando se enxerga com o coração
tocar a flor da verdade
coragem não é apenas uma palavra de sete letras
vamos remar enquanto ainda os braços estam no lugar
renunciar a covardia dos fracos
que republica repugnante
salve os fortes e não os ladroes e usuários
acorde é a vida sustente a verdade
de graças se o temporal tiver piedade.

Nenhum comentário: